fbpx

Exercícios Para Idosos: Dicas De Atividades Para A Terceira Idade!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Os exercícios para idosos estão como uma das principais questões para serem feitas durante a terceira idade.

Isso porque, principalmente os idosos de hoje em dia se preocupam em envelhecer bem.

Sendo assim, buscam cada vez mais, meios de se manterem ativos pra que sua saúde se estabeleça em dia.

A atividade física é muito importante em qualquer idade, no entanto, ela se faz ainda mais relevante quando se trata de um grupo de idosos que precisam, por conta da idade, ter um fortalecimento e um equilíbrio maior.

Portanto, confira abaixo uma lista com os principais exercícios para a terceira idade.

Os Principais Exercícios Para Idosos

Os Principais Exercícios Para Idosos

Seja para manter a forma física ou para fugir do sedentarismo, os exercícios para idosos são fundamentais para estimulares uma melhor qualidade de vida.

Ainda que se cuidem, cuidem de sua alimentação e tudo em sua volta, a perda natural de substâncias essenciais no nosso corpo acaba acontecendo com o passar da idade.

Sendo assim, todo idoso deve se manter ativo e cuidadoso para que possa envelhecer com saúde e qualidade de vida.

Então, corpo e mente precisam de uma atenção especial e de um cuidado redobrado. Desse modo, o idoso pode encontrar tudo isso através do pilates.

Quer saber quais os exercícios mais indicados para a terceira idade? Confira.

1. Flexão de braços:

Uma maneira muito simples de realizar o fortalecimento dos músculos do braço é fazendo a flexão do mesmo apoiado na parede.

Basta então que a pessoa se posicione com os pés afastados e com as mãos apoiadas na parede para que comece a realizar a flexão através da extensão dos cotovelos fazendo a aproximação e o afastamento da parede.

Esse exercício é ótimo para trabalhar com o peitoral, ombro e tríceps. Sua realização tem grande relevância nas atividades diárias, por isso é uma grande vantagem faze-lo.

2. Alongamento:

O alongamento é fundamental para fazer com que todos os membros se mantenham flexíveis.

Sendo assim, o idoso pode realiza-lo seja em pé ou deitado. Da maneira que for mais cômoda para ele.

Deitado acaba sendo mais seguro para que nenhuma articulação se prejudique. 

Então, para realiza-la, basta que o idoso deite de barriga para cima e puxe uma perna em direção ao peito.

De maneira delicada, esse exercício pode contar com a ajuda de outra pessoa ou então o idoso pode realiza-lo sozinho.

O importante é alongar os membros de modo suave e segura-los nessa posição durante 30 segundos e depois trocar.

3. Fortalecimento da coxa:

Para fortalecer as coxas, o idoso pode se sentar em uma cadeira e em sua ponta, com os pés retos e apoiados no chão, ele deve colocar uma almofada entre as pernas.

Logo, ele deve fazer a movimentação de juntar as pernas ao apertar a almofada entre elas.

Deve-se prestar muita atenção na postura nesse exercício. O principal benefício retirado daqui é o trabalho feito nos adutores da coxa e no assoalho pélvico.

Esses locais devem se manter exercitados, pois a sua fraqueza faz com que a perda de urina e fezes aconteçam com mais facilidade.

4. Flexão da panturrilha nos exercícios para idosos:

Esse exercício é bastante fácil e deve ser executado com os pés afastados e lado a lado.

A coluna deve se manter alinhada e dessa forma, o idoso deve levantar seu corpo na ponta dos pés e repetir esse movimento por algumas vezes até que se canse.

Para uma melhor execução, deve-se manter o abdômen contraído.

Esse tipo de flexão faz com que o tornozelo possam ter uma maior flexibilidade e maior mobilidade.

É importante que essa área tenha uma atenção maior, pois o envelhecimento faz com que a perda de mobilidade aconteça.

Sendo assim, muitas vezes por não ter a fortificação necessária, o idoso acaba caindo com uma maior facilidade.

Onde Fazer Exercícios Para Idosos?

Onde Fazer Exercícios Para Idosos

É possível encontrar academia para pessoas na terceira idade. Assim como também é possível realizar esses exercícios em academias de praça pública.

Muitas vezes grupos de instrutores se reúnem em certo horário para passarem alguns exercícios para os alunos idosos.

No entanto, uma opção muito mais abrangente é fazer com que o idoso conheça o pilates.

Isso porque a atividade do pilates promove equilíbrio corporal e mental e faz com que a saúde do corpo consiga ser mantida da melhor forma.

Dentro dele, é possível tratar problemas específicos como má postura, dores nos joanetes, ou até mesmo uma melhor fortificação dos músculos para dar mais autonomia ao idoso.

Então inúmeras vantagens podem acontecer na vida do praticante de pilates. A vantagem principal é que os ensinamentos executados dentro de um estúdio, não ficam apenas em teorias.

Portanto, o aluno pratica diariamente o que aprendeu e insere isso em sua rotina.

Além disso, por se tratarem de pessoas mais frágeis, o exercício para o idoso deve ter o apoio total de um profissional da área.

Se manter ativo proporciona ao idoso a prevenção de:

  • Dores;
  • Insônia;
  • Dependência de terceiros;
  • Alzheimer;
  • Parkinson;
  • Derrames;
  • Entre inúmeros outros fatores.

É importante lembrar que a mente também deve  se manter ativa, e através das atividades físicas isso é plenamente possível.

Ainda mais porque toda a atividade feita exige coordenação, e atenção especial aos movimentos executados.

Portanto, a qualidade de vida dessas pessoas aumenta significativamente e dão uma melhor autonomia para que elas consigam fazer mais coisas sozinhas sem que dependam de outras pessoas.

Se você é idoso ou conhece alguém que é idoso e precisa praticar atividades físicas, mostre a eles o que o pilates pode oferecer de benefício à vida dos mesmos.

Conclusão

Conclusão

Por fim, vimos neste artigo alguns exercícios básicos para o idoso realizar e ter um melhor desempenho no seu dia a dia.

A atividade física é muito importante para que o grupo da terceira idade se mantenha ativo e previna tanto doenças como quedas inesperadas que podem provocar graves sequelas.

Sendo assim, é recomendável que as pessoas mais idosas procurem atividades de acordo com a faixa etária delas, para que ações específicas possam ser realizadas.

Gostou deste artigo? Comente e compartilhe-o em sua página.

Sandro Alves, professor de pilates.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Baixe o Ebook de pilates e AVC gratis!

Faça o download aqui!