fbpx

Pilates para patologias

Que tal usar o Pilates para patologias e melhorar sua saúde e bem-estar a partir da técnica? O Pilates é ótimo para auxiliar a tratar diferentes doenças.

O ideal é que o paciente sempre busque permissão de seu médico para começar as aulas de Pilates. Além disso, conversar com o profissional que irá orientar as aulas é vital.

Dessa forma, o professor de Pilates poderá preparar um treino que auxilie o aluno a realmente recuperar a própria saúde.

Fisioterapeuta tratando patologias da aluna com pilates

Pilates para patologias da coluna

O Pilates é um excelente método para tratamento de patologias da coluna. O método consegue intervir diretamente no problema, alcançando o desenvolvimento do corpo de maneira uniforme.

Como resultado da técnica, é possível melhorar a consciência corporal, flexibilidade, equilíbrio, força muscular e aliviar as dores.

No curso de pilates em São Paulo falamos que através das aulas de Pilates, os exercícios fortalecem a musculatura e favorecem a boa postura. Dois aspectos que são importantes para o tratamento de patologias na coluna.

Tendo em vista que, muitas das patologias são causadas por falta de sustentação adequada da coluna. Sempre associado aos maus hábitos com relação a própria postura.

Esse conjunto de fatores negativos para a saúde, é combatido pela prática de Pilates. Que atua fortalecendo a musculatura do centro do corpo, o que dá melhor sustentação para a coluna.

Além disso, o método combate a má postura. De forma que, ao se mover com maior fluidez, seu corpo não repita movimentos errados ao longo do dia.

Afinal, são os movimentos repetitivos e errados que geram dores ao final de seu trabalho. Evitar isso é totalmente possível com a correção da postura.

Coluna

Pilates não tem proibições

Ao mesmo tempo que trata diferentes aspectos físicos, o Pilates é um método livre de restrições.

Por todos esses aspectos já citados, a técnica é muito indicada para tratar diversos tipos de doenças. Uma vez que, o Pilates provoca uma profunda mudança no estilo de vida, melhorando o bem-estar.

A cada aula de pilates a técnica tende a oferecer benefícios que se acumulam. Até mesmo no aspecto emocional, o que é muito importante para recuperar o bem-estar.

Por muitas vezes, as patologias físicas resultam na perda da qualidade de vida o que pode resultar em depressão, ansiedade e baixa autoestima.

Ao mesmo tempo em que, o Pilates trabalha o corpo ele é um aliado da saúde mental. E é por ser um treino capaz de elevar a autoestima, relaxar o corpo e te ajudar a se focar no momento presente, que o pilates te ajuda.

Aspectos estes que, são importantes para elevar o bem-estar e afastar sintomas indesejados que afetam a sua qualidade de vida.

Portanto, a técnica não se restringe só a melhorar a saúde física, sendo importante também para melhorar a saúde mental.

Pilates é para todas as idades

Um ponto positivo do uso de Pilates para patologias é que, o método pode ser usado em todas as idades.

Desde crianças até os mais idosos, o Pilates é um exercício que pode ser adaptado e iniciado em qualquer fase da vida.

De modo que, o praticante possa se beneficiar de várias maneiras, gerando melhora no cotidiano. Os idosos no pilates, apresentam como principal resultado o ganho de flexibilidade e mobilidade.

Aspectos esses que, são decisivos para um para chegar na terceira idade de forma saudável. Ao mesmo tempo, o ganho de tônus muscular é um fator que beneficia todos os praticantes do Pilates.

Mulheres grávidas, por exemplo, que praticam o Pilates podem evitar diástase abdominal após o parto. O trabalho constante da musculatura do assoalho pélvico durante o Pilates, prepara o corpo para o parto natural.

Além disso, o método contribui para reduzir a ansiedade durante a gestação e também garantir uma melhor recuperação após o parto.

Contribui também para que a musculatura abdominal volte ao lugar ideal de forma mais fácil após o parto. Proporcionando uma recuperação mais rápida para a mulher após o parto.

Pilates para patologias requer acompanhamento

Sempre quando falamos em Pilates para patologias, é importante destacar a necessidade de assistência.

Um bom profissional fará toda a diferença para adaptar seu treino. De modo que, o Pilates tenha realmente uma função curativa em sua rotina.

Contribuindo para o aumento do bem-estar e para tornar o Pilates realmente terapêutico. Dessa forma, evita-se que a prática possa ocasionar qualquer tipo de lesão ou dor.

Fisioterapeutas analizando patologias no caderno

Tenha permissão de seu médico para começar

A saber:

Quando se está tratando uma doença, é preciso conversar com o médico a respeito de qualquer atividade que se pretende iniciar.

Tendo em vista que, durante o tempo de tratamento para alívio de dores causadas por inflamação, é importante sair da crise.

Para que, só após se recuperar da crise e eliminar a inflamação de seu corpo, seja possível iniciar o treino de Pilates.

Caso contrário, ao invés de usar a técnica para se recuperar, o exercício pode atrapalhar o processo de cura.

O mesmo ocorre após traumas e acidentes. É preciso que seu médico autorize o início das sessōes com Pilates.

Acima de tudo, sua saúde é o mais importante! Portanto, sempre se baseie naquilo que seu médico orienta.

Afinal, o médico conhece sua saúde e tem experiência para orientar o melhor momento para iniciar seus treinos.

Doutores

Em conclusão:

Diversos estudos já comprovam que o método pilates é eficaz para diversas patologias. Muitos desses estudos você pode buscar na internet pois são de domínio público.

Muitas pessoas não sabem ainda todo o bem que faz praticar o método. Na realidade são muitos fatores que vão fazer com que seu aluno melhore de determinada doença. E pilates serve na maioria dos casos.

Artigo aprovado por Daniele Medeiros, fisio formada na U. Gama Filho.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Baixe o Ebook de pilates e AVC gratis!

Faça o download aqui!