fbpx

Pilates Pode Ajudar No Combate A Depressão: Verdade Ou Mito?

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

O combate à depressão pode ser algo muito difícil para quem o enfrenta. Sendo assim, buscar a ajuda necessária para tratar essa doença é fundamental para melhorar sua qualidade de vida.

Julga-se a depressão muitas vezes como um problema bobo ou um drama em excesso.

E este diagnóstico popular está completamente equivocado, visto que milhões de pessoas sofrem com isso e é algo muito pessoal de se tratar.

Além do apoio psicológico e às vezes psiquiátrico, há outras alternativas que são aconselháveis  no tratamento dessa doença e a maioria delas envolve a prática de exercícios.

Muito se diz sobre o pilates, sendo assim, neste artigo falaremos um pouco mais a respeito disso.

Papel Do Pilates No Combate A Depressão

Papel Do Pilates No Combate A Depressão

A depressão acaba sendo muito mais do que um sentimento ruim. Ela é um transtorno bastante real que pode afetar tanto homens e mulheres de qualquer idade.

Além disso, crianças e adolescentes podem realizar pilates pois entram nessa lista. Estima-se que uma em cada quatro pessoas já tenham sofrido ou sentido sintomas de depressão em algum momento da vida.

Por ser um transtorno mental, muitas vezes acaba sendo difícil diagnosticar e, sendo assim, podem acabar sendo tratadas como algo que não merecem a devida importância.

No entanto, quando diagnosticadas e compreendidas, várias maneiras e ações podem ajudar o dia a dia da pessoa no combate a depressão.

Principalmente, quando essa pessoa é aconselhada a praticar uma atividade física e essa atividade é o pilates.

A mudança de hábitos é crucial para fazer com que o primeiro passo para enfrentar esse transtorno seja dado.

Ainda que duvidem da eficácia, o pilates é crucial na vida de quem está passando pela depressão.

Quando realizado de modo frequente e equilibrado, é possível ver os efeitos que ele proporciona na rotina do praticante. Isso porque a modalidade inclui maneiras eficazes e simples de serem trabalhadas.

Por exemplo, no pilates não só a forma física é beneficiada, como também a parte mental, ou seja, a parte mais afetada pela depressão.

Além disso, os exercícios feitos na atividade são extremamente simples e de baixo impacto. Assim, somente ao introduzir os princípios do método, já é possível perceber as mudanças.

Pontos de trabalho no pilates em combate a depressão

A respiração é um dos pontos que melhor se trabalha dentro do pilates. Para quem não sabe exercitar a respiração é de extrema importância.

Principalmente porque ela tem o poder de interferir em emoções profundas. E é por isso que exercitar a respiração e colocá-la em prática em situações difíceis é importante para que o corpo tenha um controle maior.

Uma boa oxigenação permite que o corpo relaxe mais e pense com maior clareza.

No pilates, a mente é o tempo inteiro estimulada através de ações práticas dos exercícios oferecidos. Sendo assim, a pessoa a longo prazo consegue desenvolver:

  • Sua autoestima;
  • Concentração;
  • Percepção de futuro;
  • Entre outros pontos.

Tudo isso faz com que a pessoa com depressão consiga sair de sua prisão mental de maneira leve e espontânea.

Quais Os Principais Benefícios Do Pilates Na Depressão?

Quais Os Principais Benefícios Do Pilates Na Depressão

O combate à depressão com o pilates se torna muito mais fácil, pois através de uma base sólida, ele proporciona para quem o pratica melhores conexões mentais por meio de movimentos conscientes.

Diferente de estar relaxado, o movimento consciente faz com que de modo controlado e concentrado, a atividade que a pessoa está fazendo consiga ter conexão com o corpo e mente ao mesmo tempo.

De maneira cuidadosa, o instrutor envolve o participante através dos exercícios corretos e faz com que eles tenham um papel poderoso no combate a depressão.

Assim, quem tem depressão e entra para o pilates, não recebe apenas um cuidado com o corpo, mas sim, um cuidado completo e bastante focado.

O cérebro é capaz de ter o treinamento correto para que foque sua atenção em outras coisas no presente, fazendo com que o ciclo de pensamentos negativos e auto sabotagem, não aconteçam enquanto praticam as ações.

Dessa maneira, é possível fortalecer o sistema nervoso e também mudar a mentalidade da pessoa para que ela faça esses exercícios de concentração em seu dia a dia.

Um alerta importante!

Na luta contra a depressão, o mais importante a se falar é sobre como se pode ajudar às pessoas que sofrem com esse transtorno.

Somente através de um diálogo aberto e ajuda médica é possível solucionar essa doença e oferecer a essas pessoas uma maneira melhor de enfrentar a vida.

Além da doença em si, os pacientes que sofrem de depressão acabam sendo muito julgados e constantemente recebem ataques da sociedade por conta dos tabus impostos por ela.

O aumento da consciência social a respeito da depressão é vital para que o desconhecido passe a ter reconhecimento sem que ataques acabem sendo feitos.

Nessas horas, o apoio é essencial para que o diagnóstico e o tratamento passem a ter um resultado positivo.

Essa é uma doença silenciosa e muitas vezes o familiar só a percebe quando consequências maiores acontecem.

Se você sofre de depressão ou conhece alguém que esteja nessa situação, se inscreva ou indique alguém para conhecer o pilates mais a fundo como uma atividade extra ao tratamento psicológico.

É importante que ambas as atividades andem juntas para que proporcionem um melhor resultado na vida dessa pessoa.

O pilates é realmente eficiente e ajuda bastante.

Caso você tenha dúvidas sobre a atividade, sugerimos dar uma olhada neste link sobre pilates para que conheça melhor o que a formação em pilates pode proporcionar em sua vida e na vida de outras pessoas.

Conclusão

Conclusão

O combate à depressão é muito mais eficaz quando combinados com atividades físicas e acompanhamento psicológico.

Sendo assim, o pilates é a opção perfeita, pois contribui em ambas as partes: o corpo e a mente.

Então, por meio de atividades precisas e focadas, voltadas especialmente para o tratamento interno do corpo, o pilates irá agir de forma gradual até que os resultados apareçam.

Gostou de saber o poder desta modalidade na luta contra a depressão? Nos conte nos comentários e compartilhe este artigo em suas redes.

Daniele Medeiros, dona de estúdio de pilates e fisio.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

2 respostas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Baixe o Ebook de pilates e AVC gratis!

Faça o download aqui!