fbpx

A Técnica Que Combina Pilates E Yoga Para Cuidar Da Mente E Do Corpo

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Há quem confunda pilates e yoga e vice-versa por acharem que ambas as atividades são iguais. No entanto, há muita diferença entre elas.

O pilates é um método que teve como princípio seu foco na reabilitação de pessoas com certas patologias específicas e ao longo do tempo ele foi evoluindo.

Já a yoga é uma prática de exercícios que tem como objetivo oferecer ao indivíduo uma nova forma de viver sua vida. Ela trabalha corpo e mente através da disciplina.

Se você quer saber como a prática desses métodos juntos trazem benefícios à saúde, continue lendo.

Qual a Diferença Entre Pilates e Yoga?

Qual a Diferença Entre Pilates e Yoga

Primeiramente, é preciso que você conheça ambas as práticas para poder saber como as duas juntas podem atuar em prol de sua qualidade de vida.

Começando pela yoga, essa é uma prática originária da Índia há dois mil anos atrás e tem como filosofia unir a mente e o espírito junto da respiração ao meditar.

Junto desses três princípios se torna possível desviar a atenção para o corpo podendo acalmar a mente e ter mais momentos de autoconhecimento. 

A yoga possui várias vertentes e a mais usada no ocidente é o Hatha Yoga, a qual exige muita atenção e concentração para alinhamento do corpo durante as posições.

Os benefícios do Yoga são quase todos inteiramente voltados para a mente e a saúde espiritual, aumentando a qualidade de vida pela diminuição de estresse e outros problemas.

Já o pilates é uma modalidade de exercícios criado por Joseph Pilates no ano de 1920 e que tem como foco a reabilitação dos indivíduos.

Sendo assim, Joseph criou não só a metodologia como toda a aparelhagem necessária para executá-la. Hoje em dia, muitos profissionais da fisioterapia usam o pilates na sua rotina.

No que o pilates e a yoga se parecem?

Tanto o pilates quanto o yoga possuem vários benefícios para a musculatura e a postura do indivíduo, assim, pode-se aumentar a flexibilidade e o trabalho com a mente.

Eu comparei a anatomia das açōes dos músculos da yoga com os do pilates e é incrível ver a sinergia dos músculos dos dois métodos. vou colocar os dois livros que li aqui embaixo:

Ambas possuem muito tempo de existência e surgiram com um propósito inicial. Pode-se diferenciar as duas técnicas como:

  • Yoga foi feito para integrar corpo e mente em um único físico sadio;
  • O pilates foi feito para tornar o corpo que antes era fraco, em algo forte, saudável e resistente.

Portanto, interligar os métodos só traz benefícios para quem o pratica, pois um irá focar mais na parte mental e o outro na parte corporal.

Apesar de ambos trabalharem corpo e mente, é possível observar que cada atividade pende mais para um lado do que para o outro.

Existem atividades que juntam ambas as técnicas sem que você precise escolher entre uma e outra ou fazer as duas em tempos diferentes.

A técnica é um produto da empresa Canadense e se chama Zen.GA e ele mistura o corpo e mente assim como o pilates e a yoga.

A atividade se baseia em quatro princípios que são a respiração, suporte, o rendimento e a fluência. Quando colocados juntos, eles trazem a consciência de corpo e mente em sintonia.

Quando combinadas as duas técnicas, é possível melhorar a força, sua flexibilidade, sua fluidez de movimento e consciência corporal e mental.

A técnica faz uso do Cadillac, aparelho que possui alça extensora criado por Pilates que ajuda o aluno na maior parte de seus movimentos.

Alguns dos benefícios de ambas os métodos:

  • Mais flexibilidade;
  • Menos dores na lombar;
  • Maior resistência;
  • Efeito relaxante na mente e no corpo;
  • Ajudam com os medos e as barreiras;
  • Aliviam a tensão e o estresse;
  • Afastam sintomas de ansiedade e depressão;
  • Combatem a insônia;
  • Melhoram o controle corporal;
  • Te dão mais noção de espaço;
  • Aliviam dores musculares.

Ah! O pilates melhora a respiração até em pacientes pós covid; e também o Yoga

Existem Outras Técnicas que Juntam Pilates e Yoga?

Quais Outras Técnicas Juntam Pilates e Yoga

Sim, muitas, e a principal delas, que também junta yoga e pilates é o Garuda. Ele trabalha com todos os músculos do corpo de maneira espiral.

A atividade foi fundada por um indiano chamado James D’Silva que mora em Londres e já esteve na vida de muitas pessoas, depois que começou a de Madonna.

Então, por meio do Garuda, é possível fazer com que toda a complexidade humana se conecte e juntas da mente e espírito em movimentos energéticos, faz com que dores e tensões não mais existam.

Se você é um profissional de fisioterapia ou educação física, talvez seja interessante para você aprender um pouco mais sobre outras metodologias, por exemplo, o pilates.

Por meio do de uma formação em pilates, você se torna apto a dar aulas de pilates e juntá-lo a técnicas já usadas em sua profissão.

Isso é muito interessante pois faz com que você tenha uma diversidade maior em sua metodologia de trabalho te entregando assim mais profissionalismo.

Conheça o curso e aprenda todas as técnicas referentes à modalidade. Você pode fazê-lo no conforto da sua casa ou de modo presencial, o que você achar melhor.

Por fim, juntar o yoga com o pilates só pode acabar em bons resultados para o corpo. Isso porque ambas as técnicas possuem benefícios para a saúde.

É crucial cuidar da parte corporal, mas a parte mental também é vital para manter o ser humano focado e estável. Então é muito importante exercitar a mente também.

E isso só é possível por meio da junção de ambas as técnicas que trabalhará a fundo com tudo o que é necessário para sua saúde e qualidade de vida.

Conclusão

Conclusão

Conhecer novos métodos é uma ótima chance de aprender mais, não só para alunos como também para instrutores, que podem agregar ainda mais o valor de seu trabalho.

É preciso conhecer a necessidade das pessoas para poder trabalhar isso da melhor forma possível. Sendo assim, contar com ambas as práticas é a melhor solução.

Mas para quem não teve a chance de conhecer outras técnicas, proponho começar pelo pilates e yoga e depois se aventurar em mais outras.

Isso porque o pilates trabalha tudo que é preciso, desde o corpo até a mente. No entanto, podemos dizer que ele dá mais enfoque na resistência física do que na mental.

Conte-nos aqui se você já experimentou algum desses métodos e comparta este artigo com mais pessoas.

Valeria Santana, a autora, é profe de Yoga e ademais experta no tema.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Baixe o Ebook de pilates e AVC gratis!

Faça o download aqui!