fbpx

Pilates Pode Ajudar No Tratamento Da Escoliose! Verdade Ou Mito?

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Você sabia que o tratamento da escoliose pode ser feito por meio do pilates? Para aqueles que não sabem bem o que é a escoliose, explicaremos.

Essa é um dos principais desvios que a coluna pode sofrer. E infelizmente, isso pode ser mais comum do que se imagina.

Cerca de 3% da população mundial apresenta escoliose. Você deve estar se perguntando o motivo pelo qual essa patologia aparece.

E a resposta pode ser variada. Há várias razões para que uma pessoa possa apresentá-la em sua vida, seja por má postura ou por apenas uma má formação.

Se você quer saber mais sobre isso e sobre o tratamento, acompanhe este artigo.

Pilates No Tratamento Da Escoliose Funciona?

Pilates No Tratamento Da Escoliose Funciona

A escoliose, assim como qualquer outra patologia, tem melhores chances de ser corrigida ou estabilizada quando ainda está no início.

Sendo assim, quanto mais cedo ela for identificada, mais eficaz será sua cura.

Seja o pilates para iniciantes, alunos regulares e também avançados é uma atividade muito benéfica que vem sendo utilizada no tratamento fisioterapêutico da escoliose.

Isso porque a atividade tem ações reabilitativas que garantem o aumento de qualidade de vida dos seus alunos.

Além disso, o método é ótimo para pessoas que sofrem com qualquer tipo de problema na coluna.

O motivo é porque ele age no controle da postura e se caracteriza por seus movimentos projetados.

Sendo assim, quem o pratica deve manter a posição de sua coluna neutra para que o recrutamento dos músculos seja mínimo.

Desse modo, a firmeza corporal irá se manter e a fadiga precoce desaparecer.

O pilates desenvolve benefícios para o corpo inteiro, desde a parte motora até a parte de alinhamento postural.

A força dos músculos também acaba crescendo, por conta de uma postura bem alinhada.

Compreendendo a escoliose

A escoliose é uma deformação que envolve o plano sagital, frontal e transversal.

Em geral, a escoliose pode ser percebida durante o período de puberdade e pode vir a aumentar com o tempo.

Muitos fatores que ajudam no seu aparecimento ainda podem estar desconhecidos. No entanto, seu tratamento, para que seja eficiente, deve ter um início precoce.

A escoliose tende a afetar mais meninas do que meninos.

A estrutura dos ossos se torna permanente quando a pessoa atinge a puberdade e adolescência.

Sendo assim, é importante deixar claro que é essencial intervir na progressão dessa patologia antes que os ossos atinjam a maturação.

Existem alguns sinais que mostram a existência de uma escoliose, por exemplo:

  • Ter um ombro mais alto do que o outro;
  • Um lado do tórax parece maior que o outro;
  • Um quadril parece mais alto do que o outro;
  • Cintura desigual;
  • Perna com aparência uma menor que a outra.

O médico poderá fazer a avaliação precisa a partir de vários fatores. Assim, depois de ter sido feito, há três opções de tratamento:

  • Reforço muscular;
  • Uso de coletes;
  • Cirurgia.

O tratamento conservador, que é a reeducação postural, só pode ser feito quando as curvas forem menores do que 20°.

O Método Pilates No Tratamento Da Escoliose

O Método Pilates No Tratamento Da Escoliose

Não importa qual tipo de escoliose você tenha, sua presença sempre se associará como uma retração assimétrica dos músculos espinhais.

Estes, se definem por ser um conjunto de músculos estáticos da coluna vertebral. Portanto, sua função principal é dar sustentação e erguer a coluna.

Mas, isso só é possível quando há equilíbrio de tensões entre os músculos de ambos os lados do corpo.

Por conta desses músculos estáticos que é possível manter articulações e ossos em equilíbrio.

A falta de equilíbrio da coluna acaba sendo um sintoma da escoliose. Portanto, o pilates aparece como uma ótima opção para quem deseja realizar o tratamento desta patologia.

Isso porque a atividade consegue atuar nos grupos musculares mais profundos e que se relacionam de maneira direta com a estabilização da coluna vertebral.

O pilates foca muito no power house, onde é o centro da força. Quando a coluna está fortalecida, o principal músculo do abdômen acaba sendo alcançado.

E é ele que é o principal músculo base para que haja reforço e crie estabilidade na coluna.

Tratamento da escoliose com exercícios de pilates

Para quem acha que não há chances de tratar a escoliose a partir do pilates, se engana.

Por isso, quem vai praticar essa atividade deve dar prioridade aos movimentos que fazem a ativação dos músculos estabilizadores.

Para que a intervenção possa se realizar, ela deve se dividir em três etapas:

  • Preparação;
  • Parte específica;
  • Volta à calma.

A preparação é a parte que o avanço respiratório acontece. Ele é importante para que se possa promover uma maior estabilidade à caixa torácica.

Além disso, essa parte faz a mobilização da coluna para que se torne flexível e também ganhe maior estabilidade.

No pilates, vários exercícios cumprem esse foco e podem acabar sendo aplicados no tratamento da escoliose, além de atuarem no corpo por inteiro.

Nos movimentos de volta à calma, os exercícios que promovem relaxamento são o foco principal.

Como o tratamento da escoliose no pilates é um trabalho feito de maneira harmônica, todas as partes do corpo acabam se beneficiando disso.

Se você está se perguntando que tipo de exercício o pilates executa, veja:

  • Side bend (fortalece, alonga e mobiliza);
  • Mermaid (fortalece, alonga e mobiliza);
  • Knee Stretches (fortalece, alonga e mobiliza).

Através dos exercícios sugeridos pelo instrutor e com o passar do tempo, com certeza o problema será diminuído.

Assim, você terá uma maior qualidade de vida. É muito importante que o tratamento aconteça com um profissional com formação realizada no melhor curso de pilates possível

Conclusão

Conclusão

A escoliose é um problema que pode afetar a todos, com ou sem motivo aparente. Isso porque ela não é surge apenas quando há má formação, mas também por outros motivos.

Essa patologia é responsável por causar um grande desconforto e ainda causa vários prejuízos ao nosso corpo.

Portanto, o tratamento da escoliose no pilates se faz muito necessário para que esse problema vá sendo reduzindo.

O quanto antes ele acontecer, mais rápido e eficaz serão as chances de tratamento. Por isso que o diagnóstico precoce é tão requisitado.

Você sabia da possibilidade de melhora deste problema por meio do pilates? Nos conte aqui nos comentários, junto com a sua opinião sobre o artigo.

Dani Medeiros, fisioterapeuta.

Veja nossos últimos artigos:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Baixe o Ebook de pilates e AVC gratis!

Faça o download aqui!